Seminário temático:

Em “Nascimento da Biopolítica”, Michel Foucault caracteriza o neoliberalismo como uma racionalidade ou técnica de governo, que ultrapassa os procedimentos de disciplinarização, orientada a induzir processos de regulação das condutas individuais, assim como das relações de mercado. O conjunto de técnicas e saberes que o autor chamou de governamentalidade neoliberal tem propiciado a intensificação de tecnologias e instrumentos de vigilância voltados ao controle e monitoramento de diversos aspectos da vida social contemporânea, instrumentalizando áreas como segurança pública e internacional, sistema penal, sistemas de ensino, ambiente de trabalho, dentre outros. Assim, as novas técnicas de governo teriam um papel estratégico nas relações sociais e políticas, produzindo formas complexas de regulação e conformando novas subjetividades. Nesse semestre, exploraremos a relação entre governamentalidade, vigilância, monitoramentos e as novas tecnologias, buscando destacar os efeitos controversos desses procedimentos, principalmente no ambiente urbano.

Professor responsável: Marcos César Alvarez

Coordenação: Alcides Perón, Andrea Roca e Ricardo Campello

 

Sessões

[24/08] Mass Surveillance, Governança Global e Regimes de Verdade: Um debate sobre os Estudos de Vigilância

Texto para Discussão: GARRIDO, Miguelánguel. Contesting a Biopolitics of Information and Communications: The Importance of Truth and Sousveillance after Snowden. Surveillance and Society. 13(2): 153-167. 2015.

[31/08] Neoliberalismo e Governamentalidade: Notas de Thomas Lemke acerca da Governamentalidade em Foucault;

Texto para Discussão: LEMKE, Thomas. Foucault, Governmentality and Critique. Rethinking Marxism Conference, Amherst. 2000.

[14/09] Dispositivos de Segurança e Governamentalidade: Regulação ou exclusão?

Texto para Discussão: OPTIZ, Sven. Government Unlimited, The Security Dispositif of Iliberal Governmentality. In: BRÖCKLING, Ulrich; KRASMANN, Susanne; LEMKE, Thomas. Governmentality: Current Issues and Future Chalenges. New York: Routledge, 2011.

[28/09] Conversa com o Prof. Glauco Arbix – Técnicas de “Big Data”: problematizações ético-políticas.

Texto para Discussão: VAYENA, Effy; GASSER, Urs; WOOD, Alexandra; O’BRIEN, David; ALTMAN, Micah. Elementx of a New Ethical Framework for Big Data Research. In: Washington and Lee Law Review Online. 420 (2016).

[19/10] Urbanismo e vigilância: Ao que serve as “Smart Cities”?;

Texto para Discussão: FIRMINO, Rodrigo; DUARTE, Fábio. Private Video Monitoring of Public Spaces: The construction of New Invisible Territories. Urban Studies. 53(4) 741-754. 2015.

[09/11] Livre Circulação, e Infra-estruturas Invisíveis: O caso COR na cidade do Rio de Janeiro;

Texto para Discussão: LUQUE-AYALA, Andrés; MARVIN, Simon. The Maintenance of Urban Circulation: An Operational logic of Infrastructural Control. Society and Space. 0(0). 1-18. 2015.

[23/11] Vigilância, Monitoramento e Discriminação: O Caso dos algoritmos e instrumentos de vigilância nos EUA;

Texto para Discussão: KEITH, Guzik. Discrimination by Design: Predictive Data Mining as Security Practice in the United States’ ”War on Terrorism”. Surveillance and Society. 7(1): 1-17. 2009.

[07/12] Regimes de Desconfiança: Sistemas de Monitoramento Civil-Policial e Modulação de Condutas

Texto para Discussão: LARSSON, Sebastian. A First Line of Defence? Vigilant Surveillance, Participatory Policing, and the Reporting of “Suspicious” Activity. Surveillance and Society. 15(1): 94—07. 2016.

[14/12] Sessão Final [Balanço do semestre]

 

 

Compartilhar com amigos
  • gplus
  • pinterest

Postar um comentário